Criar um blog apenas para passar o tempo não é para todos, muitos ganham a vida trabalhando na internet, criando conteúdo útil para todos e aproveitam para ganhar dinheiro com isso. Desde que seja de uma forma legal não há problema por isso porque não tentar?

Já havíamos falado neste assunto no primeiro artigo desta série sobre como criar um blog de sucesso, mas não foi o suficiente. Neste artigo vamos apresentar as formas de rentabilização mais usadas, dar dicas sobre a utilização desses métodos e mostrar exemplos práticos.

Recomendamos que subscreva a nossa newsletter para habilitar-se a ganhar prémios e a receber mais informação útil por email:

Escreva o seu Nome e Email e clique em "Subscrever".

Como Rentabilizar um Site

Como Ganhar Dinheiro com um Site?

Este é mais um artigo baseado na minha experiência pessoal e começo dizendo que ganhar dinheiro é possível, mas para isso é preciso muito trabalho, dedicação e paciência. Se não estiver preparado para fazer alguns sacrifícios, dificilmente chegará longe. Lembre-se que o dinheiro não cai do céu, temos que trabalhar para tê-lo.

Existem várias formas de ganhar dinheiro com um site mas neste artigo apenas vou indicar as principais. Depois você deve de analisar cada opção, testar, procurar mais informações e criar os seus métodos de rentabilização porque não existe uma formula secreta, existem alguns truques mas a forma como as coisas são feitas variam de pessoa para pessoa.

Algumas maneiras de rentabilizar o seu site:

Venda de Publicidade

A venda de publicidade é a melhor forma e a mais segura de ganhar dinheiro com um site. Você não depende de terceiros para ter publicidade, pode negociar diretamente e criar uma boa relação com o anunciante. É como se você tivesse uma loja e pudesse falar com o cliente, resolver os problemas, etc.

Nos primeiros meses de vida do seu projeto é normal que os anunciantes não apareçam. O seu site é novo, tem poucas visitas, não é muito conhecido, tem pouco conteúdo e isto não é vantajoso para quem anuncia.

Aqui no site tive o meu primeiro anunciante quase um ano depois da abertura. No seu caso pode ser mais ou menos tempo, depende da forma como promover e trabalhar o seu site e também da área: se tiver muitos concorrentes, os anunciantes dão preferência aos que já se destacam, os mais conhecidos. É preciso ter calma nesta fase e não desesperar.

Recomendação:

Quase de certeza que será complicado encontrar anunciantes nos primeiros meses de vida do seu site, por isso é importante que encontre outras formas de ganhar dinheiro com ele. Evite colocar muitos banners a dizer "anuncie aqui" ou algo parecido pois isso vai mostrar ao anunciante que ninguém quer anunciar no seu site. Não venda também publicidade a preços muito baixos (no mínimo 5 euros) pois isso pode passar uma má imagem de si (você está desesperado para ganhar dinheiro?).

Pay Per Click

A publicidade PPC (Pay Per Click - Pago por Clique) é talvez o tipo de publicidade mais usado. Existem várias empresas que têm este tipo de publicidade, mas para o mercado português e brasileiro (e até mesmo para o inglês) o mais rentável é o Google Adsense e não existem alternativas a altura.

No Google Adsense você é pago por cada clique válido. O valor de cada clique vária conforme o nicho, o numero de anunciantes, da qualidade do seu conteúdo e da localização e formato dos banners usados. É possível encontrar cliques que pagam muito bem (principalmente em sites que recebam visitas dos EUA, UK...), mas também há aqueles cliques que rendem 0,01...

O Adsense tem regras muito rígidas e só pode ser usado em sites com conteúdo legal. Isto significa que sites adultos, sites sobre assuntos ilegais e sites que tenham linguagem considerada inapropriada são proibidos. Este sistema está também muito atento aos cliques inválidos, por isso nem pense estar a clicar, pedir ou incentivar ao clique porque a sua conta pode (vai) ser banida sem aviso e você acaba por perder todo o dinheiro que tem na conta. Depois não pode criar outra porque os seus dados pessoais ficam na "lista negra" do Google por um período de tempo não conhecido.

O Adsense pode ser usado em conjunto com as diversas plataformas de afiliação existentes no mercado desde essas publicidades não sejam confundidas com a publicidade do Google. A adesão é gratuita e pode ser feita aqui.

Recomendação:

Por mais criticas que se possa fazer a este serviço, é o melhor e já existe a vários anos. Use poucos banners (quantos mais banners, menor é o preço por clique) mas coloque-os bem posicionados e use cores que faça com que os seus visitantes confundam os links de publicidade com os links do seu site. Use, se possível, juntamente com campanhas das plataformas de afiliação para obter bons resultados (ganha de dois lados).

Plataformas de Afiliação

As plataformas de afiliação são locais onde você pode encontrar campanhas publicitárias para promover na internet. Elas servem de mediador entre o anunciante e as pessoas que pretendem promover um certo tipo de publicidade.

Normalmente você é pago por ação (registo, compra, registo + compra, etc), mas as vezes também existe campanhas que pagam por visualização ou por clique. A grande maioria das campanhas publicitárias são para serem colocadas em sites, embora algumas delas possam ser promovidas através de email ou através de anúncios nas redes sociais e motores de pesquisa.

Este tipo de publicidade é o mais justo para quem anuncia e para quem divulga pois só há um remuneração quando o anunciante obtém o que pretende (um registo, uma venda, etc). Pode parecer complicado para quem promove, mas a verdade é que este tipo de publicidade pode ser mais rentável que a publicidade que paga por clique.

Para que você perceba a razão pela qual é possível ganhar mais dinheiro a promover campanhas, vamos imaginar que você tem um site sobre carros onde você ganha em média 0.20 euros por clique e que existe uma campanha também sobre o mesmo assunto mas que paga 4 euros por cada formulário preenchido. Sabendo que esta campanha é do interesse dos seus visitantes, chegamos desde já a conclusão que a probabilidade de conversão é grande e isto significa que você pode ganhar mais do que se estivesse a ser pago por clique. Neste caso você precisava de 20 cliques para ganhar 4 euros mas se optasse pela campanha precisava de apenas uma conversão para ganhar esse dinheiro.

Nem sempre os resultados são bons. O sucesso depende de muita coisa, como por exemplo:

  • Design dos banners de publicidade
  • Localização dos banners
  • Página do anunciante
  • Numero de visitas que você envia
  • Interesse dos visitantes pelo produto do anunciante
  • etc

Infelizmente ainda existem pessoas que optam ignorar esta forma de ganhar dinheiro e vendem publicidade a preços baixos ou usam publicidade PPC. Não sabem o que perdem!

No mês passado fiz um teste num site que estava a vender publicidade. O site tinha a volta das 15 mil visitas por dia, parte dessas visitas eram pessoas com menos de 18 anos e decidi arriscar e comprar um espaço no topo da sidebar por 1 semana e pedi que colocassem um banner de uma campanha da Optimus (uma operadora móvel portuguesa).

A campanha pagava 1 euro por conversão, paguei 30 euros por um banner e o resultado foi o seguinte:

Ganhos Netaffiliation

Se o responsável pelo site onde eu anunciei tivesse promovido a mesma campanha do que eu em vez de me vender publicidade, teria ganho 95 euros em vez de 30.

Recomendação:

Cada caso é um caso e por isso mesmo você tem que testar para saber o que é melhor no seu caso. Lembre-se que deve de promover campanhas que estejam relacionadas com o seu site (se você tem um site de futebol não vai promover um esmalte para as unhas...). Experimente usar vários tipos de publicidade no seu site (Google AdSense + Programas de Afiliados), mude a localização da publicidade para saber como é que rende mais. Lembre-se que o excesso de publicidade pode afastar visitantes, por isso contenha-se.

Programa de Afiliados das Empresas

É a mesma coisa que o método anterior, mas deixa de existir um mediador e você trabalha diretamente com a empresa. Alguns pontos a favor:

  • Não há mediadores
  • Não há as conversões não contadas pelas plataformas de afiliação
  • Os pagamentos são feitos diretamente, sem intermediários
  • Pagamentos mais rápidos do que através das plataformas de afiliação
  • Normalmente oferecem condições mais vantajosas
  • Mais ferramentas de promoção (banners, emails, etc)

Eu dou o exemplo da EasyFlirt, uma empresa francesa para o mercado adulto, que através da NetAffiliation paga 1.2 euros por cada mulher que se registe e 1 euro por cada homem registado. Através do EasyFlirt Partners em vez de você ser pago por registo, é pago por cada compra, ou seja, sempre que alguém compra uma conta você ganha uma percentagem.

Durante um mês consegui ganhar 18 euros (na NetAffiliation) mas depois de mudar para o EasyFlirt Partners o numero de registos aumentaram e os lucros aos poucos foram aparecendo.

O que fez os lucros aumentarem foi o facto de que na EasyFlirt Partners existe mais material promocional e também o "defeituoso" sistema de tracking da NetAffiliation que não conta tudo deixou de existir.

Neste caso eu não sabia se as pessoas iam comprar contas premium e depois ainda há o tempo de espera para saber se as visitas convertem ou não (depois de fazer o registo a conversão normalmente só acontece 1 ou 2 meses depois), mas o risco valeu a pena e um mês depois já tinha cerca de 40 euros para receber e nos melhores meses cheguei a passar os 100 euros. É um valor baixo, mas o site onde promovia tinha poucas visitas (~1000 por dia) e eu nunca fui fã de sites cheios de publicidade. O que é certo é que eu nunca teria ganho o que ganhei se tivesse continuado a promover a campanha da mesma empresa através da NetAffiliation.

Recomendação:

Sempre que possa trabalhe com a empresa porque normalmente os resultados são melhores. Não quero com isto dizer que você não deve de usar as plataformas de afiação, nada disso! Use quando achar que os resultados podem ser melhores para si.

Venda os Seus Produtos

Ganhar dinheiro com online não se resume a vender o peixe dos outros, você pode criar os seus próprios produtos e vende-los. Por exemplo, aqui no WPTotal eu podia vender:

  • eBooks com assuntos relacionados com o WordPress, SEO e Ganhar Dinheiro Online
  • Guias em vídeo para iniciantes
  • Plugins e temas exclusivos
  • Entre outros

Você tem que ver o que é que faz falta no seu nicho de mercado e criar produtos que possam ser vendidos. Lembre-se que você só vai ganhar dinheiro se fizer uma coisa com qualidade (bom conteúdo, boa apresentação e uma boa promoção dos produtos).

Recomendação:

Analise o seu mercado, veja o que falta e crie produtos de qualidade que consigam abrangir as necessidades do nicho onde você atua. Aposte na imagem e na apresentação dos produtos, disponibilize vários métodos de pagamento para que ninguém tenha dificuldades em comprar e considere criar o seu programa de afiliados para que outras pessoas possam promover os seus produtos. Lembre-se que esse programa de afiliado tem que ser vantajoso para quem promove, senão não vão existir interessados.

Torne o seu Site Pago

Nos últimos tempos alguns sites têm vindo a disponibilizar o seu conteúdo apenas a quem está disposto a pagar um certo valor por dia, semana, mês ou ano.

A alguns meses atrás, o conhecido jornal britânico "The Times" optou por cobrar 1 libra por dia a quem quiser consultar a edição online do jornal e passaram a ganhar de dois lados: da publicidade que continua no site e das subscrições. Isto teve algumas consequências negativas para o jornal pois perdeu leitores e muitas visitas e sem visitas não é possível ganhar dinheiro.

Se optar por implementar esta ideia no seu site, lembre-se que:

  • Vai perder visitantes
  • O seu site vai perder visibilidade
  • Pode não ser possível voltar atrás

Para a ideia funcionar você deve de:

  • Ter visitantes com posses financeiras
  • Ter pouca concorrência ou muita visibilidade
  • Ter muita qualidade
  • Promover e destacar as suas qualidades e pontos fortes

Também é possível optar por uma forma menos radical de usar este método. Você pode continuar com o site livre e aberto a todos, mas criar conteúdo exclusivo para quem paga.

Recomendação:

Este é um método de rentabilização arriscado, as visitas vão cair e há a probabilidade do seu site cair no esquecimento. Para funcionar você tem que ter preços baixos, vários métodos de pagamento e os seus visitantes têm que ter posses financeiras e serem maiores de idade. Recomendamos que opte por continuar a criar conteúdo gratuito e ao mesmo tempo criar funcionalidades e conteúdo com mais qualidade só para quem paga.

Devo de Promover com Banners, Posts ou Através de Email?

Para promover as campanhas publicitárias você pode usar banners, fazer posts a falar sobre a publicidade ou fazer envios através da newsletter (desde que tenha permissão para fazer isso).

Banners

É a forma mais comum de promover a publicidade. Os banners são feitos e disponibilizados pelo anunciante e você apenas tem que os colocar no seu site.

O sucesso vai depender da localização e do design do banner. Os locais recomendados para a colocação de publicidade é antes e depois do post e na sidebar, num local visível. É uma coisa a usar!

Posts

A ideia é muito simples: você escreve um artigo onde fala sobre o produto que está a promover. Explique como é que as coisas funciona, coloque imagens, dê maior destaque aos pontos fortes e coloque vários links de afiliado espalhados pelo artigo.

Pela minha experiência esta é a forma mais fácil e que traz melhores resultados porque os seus leitores leem o que você escreve. Já um banner tem que estar num local bem visível e tem que ser bem descritivo para que as pessoas saibam onde é que vão parar.

Os resultados são também positivos ao longo do tempo. Os seus leitores vão partilhar a página nas redes sociais, vão recomendar a outras pessoas, esses artigos podem ficar bem posicionados nos motores de pesquisa e todas as pessoas vão clicar no seu link de afiliado e isto é muito bom para si!

Emails / Newsletters

Assim como os posts, promover através de email pode ser bem rentável, mas para fazer envios de emails você tem que ter a permissão para utilizar os emails senão está a ir contra a lei.

Não vou aprofundar muito o assunto, mas é importante que a sua lista de emails tenha sido obtida de forma legal e que no fim de todos os emails exista um link onde quem recebe o email possa sair da lista de emails.

Você pode promover uma campanha através de email usando algum banner ou preparando um texto simples e direto que contenha alguns links de afiliado. Eu não sou um profissional no envio de emails mas pelo que vejo chego a conclusão que enviar um email sem distrações e com um texto onde você esteja a falar pessoalmente com o leitor. Se enviar uma imagem, o leitor pode pensar que é spam e ficar descontente com consigo.

Também neste caso recomendo que faça testes para saber qual é a forma que melhores resultados lhe trás.

Pagamentos

Agora a parte mais interessante de todas: receber o dinheiro! As datas e a forma como os pagamentos são feitos variam de empresa para empresa. No caso de ser publicidade direta, não existe prazo definido porque isso é um acordo que você faz com o anunciante.

Google Adsense

Os pagamentos do Google AdSense são feitos no fim/inicio de cada mês através de cheque ou transferência bancária. O que você ganha num mês, recebe no outro, existe sempre um mês de lucros que fica retido para verificação.

Plataformas de Afiliação

O espaço entre pagamentos varia de empresa para empresa, mas normalmente são emitidos pagamentos todos os meses. Empresas como a NetAffiliation fazem pagamentos por PayPal, Cheque e Transferência Bancária. Existem outras que usam outros métodos como o AlertPay ou o MoneyBookers.

Quanto ao tempo que é necessário para ver as suas conversões aprovadas, também não há um período certo. Há anunciantes que demoram apenas alguns dias para aprovar, outros precisam de 1, 2 ou 3 meses para aprovarem. Depois há também o tempo de espera para que as empresas façam o pagamento a plataforma de afiliação, por isso é que eu disse em cima que as vezes é melhor trabalhar diretamente com a empresa do que com intermediários. A espera é sempre maior.

Conclusão

Como pode ver existem várias formas de rentabilizar um site. Para saber qual é a melhor solução para o seu caso você tem que testar, testar e voltar a testar porque o que funciona com uns pode não funcionar com outros.

Se tiver dúvidas ou alguma coisa a dizer, deixe um comentário! 😉